Eu sou a multidão | Olhar de Cinema #3

O procedimento primeiro que abre Entre Nós Talvez Estejam Multidões (Pedro Maia de Brito e Aiano Bemfica, 2020) é o cruzamento da voz de uma mulher com a imagem de um coletivo de moradores da ocupação urbana Eliana Silva. Enquanto ouvimos falar sobre um processo de assimilação daquele território - a moradora expunha a necessidade… Continue lendo Eu sou a multidão | Olhar de Cinema #3

Um manifesto, nem isto – 30 curta-metragens brasileiros da década (2010-2019).

Bem, uma lista será sempre uma lista: pessoal e intransferível. Mutável, impermanente, destoante. Não sobrevive ao tempo, ao gosto, aos olhares. Nunca. Jamais. O que listo aqui, acima de tudo, são possibilidades. Possibilidades para um cinema brasileiro em curta-metragem. Possibilidades que vi (e falo só do que vi - na internet, em festivais, via links,… Continue lendo Um manifesto, nem isto – 30 curta-metragens brasileiros da década (2010-2019).